MNAC

Entrada Livre

Bairro das Artes. 9ª edição

A rentrée cultural da sétima colina de Lisboa

2018-09-20
2018-09-20
O MNAC associa-se mais uma vez ao Bairro das Artes, nesta que é já a sua nona edição.

Entrada livre das 1800 às 22 horas nas exposições:

Salomé Lamas, Extinção, 2018 - Inauguração às 19h00

Arte Portuguesa. Razões e Emoções (colectiva da colecção do MNAC).

José Pedro Cortes, Um realismo necessário (até 28 de Outubro)


9ª EDIÇÃO DO BAIRRO DAS ARTES — A RENTRÉE CULTURAL DA SÉTIMA COLINA DE LISBOA 20.SETEMBRO, DAS 18H ÀS 22H. 38 ESPAÇOS DE ARTE CONTEMPORÂNEA.

A edição de 2018 do Bairro das Artes, com a maior e mais eclética programação desde a sua primeira edição, fruto do empenho dos agentes culturais, galeristas e artistas que se associaram à iniciativa, pretende contribuir para que a arte contemporânea seja cada vez mais uma marca da nossa cidade. Cruzando os territórios da Arte Contemporânea, criando experiências para os públicos que visitam este Bairro das Artes, ponto de encontro, nunca ponto de partida nem de chegada. Da pintura à fotografia, da joalharia à arte no espaço público, uma das fortes presenças que salientamos nesta edição, são diversas as propostas que se apresentam.

O Bairro das Artes é uma organização da “Isto não é um Cachimbo".

Programa completo em:
https://bairrodasartes.pt




Em Exibição

Loops Lisboa. 4ª edição

2018-11-30
2019-02-03
SOBRE O LOOPS.LISBOA
Vídeo

MIGUEL SOARES. Luzazul

2018-11-23
2019-02-24
Curadoria: Adelaide Ginga
Miguel Soares é o artista convidado nesta 3ª edição do projecto bienal SONAE / MNAC Art Cycles e traz-nos em LUZAZUL uma proposta artística inédita que reflecte sobre a Inteligência Artificial.
Art Cycles

Tomás da Anunciação (1818 - 2018)

Bicentenário do nascimento do artista

2018-10-26
2019-03-31
Curadoria: Maria de Aires Silveira
O MNAC assinala o dia 26 de outubro, data em que se comemoram os 200 anos do nascimento do pintor
Evento

O poder da imagem

2018-10-12
2019-03-31
Curadoria: Maria de Aires Silveira
Estes retratos de artistas, poderosos em sensibilidade e qualidade técnica, destacam-se pelo seu carácter inédito.
Exposição da coleção

Carlos Relvas (1838-1894) - Vistas Inéditas de Portugal

A Fotografia nos Salões Europeus

2018-09-27
2019-02-24
Curadoria: Victor Flores, Ana David Mendes, Denis Pellerin, Emília Tavares
Esta exposição revela um dos períodos menos conhecidos da fotografia de Carlos Relvas e um conjunto considerável e inédito de provas originais em albumina
Exposição temporária

ARTE PORTUGUESA. RAZÕES E EMOÇÕES

2018-04-20
2019-03-31
Curadoria: Maria de Aires Silveira, Emília Tavares, Emília Ferreira
A presente exposição da coleção abrange grande parte do seu arco temporal, desde meados do século XIX até à década de 80 do século XX ocupando a totalidade das galerias da Ala da rua Serpa Pinto
Exposição da coleção